sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Vou-me embora pra Helix -NGC 2685...sem medo



Vou- me embora
Vou- me embora
o poeta disse:
em pasárgada
sou amigo do rei
montarei em burro brabo
subirei no pau de sebo
tomarei banhos de mar
....
poeta maior perdoa-me
é que a existência não é
mais uma aventura
não há histórias
pra acordar os homens
e adormecer as crianças
e o rei está morto

vou- me embora
vou- me embora
pra NGC 2685
e lá, 650 anos luz da Terra.
entre nuvens de poeira e gases
pular,correr, rodopiar
voltar a ser menino
envolvido em estrelas
sem medo (os)
o grande olho?
é só um cilindro
e eu? apenas um homem

8 comentários:

Katia Mota disse...

Mais uma vez clap, clap, clap, adorei.... bjs

sueli aduan disse...

E eu gostei, mais uma vez, do clap, clap,clap, resolvi brincar um poquinho com a notícia que invadiu todos os meios possiveis.
é isso.
abs

sueli aduan disse...

poquinho é ótimo, nova ortografia.rsrs.

(l' excessive) disse...

Obrigadíssima pelas visitas e comentários, visse?
Aqui também é muito bom aportar!
Abraço

Célia Garcia Ferper disse...

bela poesia!!!!
eu tb quero ir embora.......viajar nas constelações.
beijos

sueli aduan disse...

l'excessive:

Gracias, pretende visitar muito.
abs

sueli aduan disse...

Célia:
que bom que gostou.

..e o jeito é viajar na palavra
abs

sueli aduan disse...

l'excessive:

correção:

eu pretendo visitar muito seu lindo blog. beijos